EXTRA EXTRA – O LULISMO TEM COERÊNCIA SIM – 6/4/18

Extra Extra

Pode-se acusar o Lulismo de qualquer coisa, mas de falta de coerência, não.

Vejamos, há muitos meses, meses que superam o ano, o dito cujo, isto é o LILS (Luiz Inácio Lula da Silva) abarrotou o judiciário de demandas todas evidentemente visando consagrar a sua inocência tripla.

Direito dele… Quem tem posse… ou amigos com posse… ou sei lá o que, que lhe permite pagar bons advogados e o tal de Batochio, pode.

Ele esperneia e se faz de vítima… pode?

As dezenas de liminares cautelares, embargos e embargos dos embargos e outras firulas do gênero, não são suficientes para demonstrar que exerceu todos os direitos de defesa?

Não, não teve.

É um absurdo, assim reza a cartilha do lulismo, é um absurdo total o que se faz com o ex presidente e futuro ex presidiário, portanto, pode-se fazer de… vítima.

Vejam, por exemplo, o caso Cesare Battisti.

Ele foi condenado a prisão perpétua pela justiça italiana por quatro homicídios, isto é, 1 + 1 + 1 + 1.

O processo durou dez anos (2 + 2 + 2 + 2 + 2) e mesmo assim, o Ministro da Justiça do governo lulista declarou que “não teve todos os direitos de defesa”; razão pela qual, no último dia de presidência Luiz Inácio ( Lula da Silva) concedeu ao pluri homicida o direito de morar no Brasil livre e folgado. Com 60.000 assassinos por ano no Brasil, que diferença faz um a mais?

Vejam bem, porém, a lógica, se o lulismo acha que dez anos de processo não são suficientes para uma defesa, SEM DÚVIDA, que dois são totalmente insuficientes.

Portanto, brasileiros, choremos todos pelo escasso prazo que Lula teve para se defender.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *