O PAPA FRANCISCO PODE… OS OUTROS CHEFES DE ESTADO NÃO PODEM… – 6/4/17

Papa Francisco

“Zé Ninguém está em FORT LAUDERDALE”

 

Somente o Papa Francisco pode convocar os povos a RECEBER DE CORAÇÃO ABERTO, OS IRMÃOS (muçulmanos) SÍRIOS FUGIDOS DA GUERRA.

TODOS os demais Chefes de Estado, dos grandes países, não podem dizer a mesma coisa.

Não devem!

Vai aí uma preliminar relevante e desconcertante.

Declarações várias, iniciativas tantas, insistem que “deve-se dar abrigo a esses coitados de refugiados sírios”, mas o Zé Ninguém nunca ouviu alguém, mesmo da imprensa mundial (pelo menos da parcela a qual o Zé Ninguém tem acesso) repito, nunca ouviu alguém, sugerir que se atacassem as causas desta trágica emigração em massa.

Tão pouco, eu… o Zé Ninguém, ouviu algo a respeito das causas da guerra, para o Zé é o despótico governo Assad. Ainda, o misterioso “estado islâmico” tão repudiado verbalmente, continua existindo apesar das bilhões de palavras de condenação.

Sim, existem ações de sírios, ações do exército iraquiano, dos voluntários curdos e de não se sabe de quantos outros grupos antagônicos, ajudados alguns abertamente pelos EUA, a Rússia porém, apoia, vejam só, o regime de Assad.

Mais um parênteses e um retrospecto: a Rússia apoia Assad por nenhum outro motivo, além de se tornar um ator político no Oriente Médio.

E porque este desejo? Porque o Zé Ninguém já o disse, um BUSH qualquer (o pai) permitiu que os militares americanos (os bisognos…) colocassem misseis na fronteira da Comunidade dos Estados Independentes – CEI (Rússia).

O que podia fazer a Rússia? A Rússia que já tinha observadores militares dentro da OTAN, passo inicial para entrar na organização defensiva…

Se, repito, se, tivesse continuado o processo de aproximação Ocidente/Rússia, com finalmente a entrada desta última na OTAN, não teria existido o drama sírio, ou outros dramas provocados por pequenos ditadores que jogam com as vidas dos seus cidadãos.

A Rússia por querer ser equiparada a uma das grandes potências mundiais, não o podendo ser via OTAN, quer consegui-los apoiando qualquer um que lhe permita jogar o jogo do poder mundial.

Posto isto, voltamos ao Estado Islâmico combatido por todos…, todos?

O Zé Ninguém não entende muito bem o que está acontecendo… mas sabe muito bem que para sustentar uma guerra são precisos recursos militares, de vultos… vultuosíssimos, principalmente se contra este Estado Islâmico, se juntarem contra (no papel) EUA e Rússia.

Na realidade a Rússia atua por conta própria, bombardeando o que bem lhe parece, Estado Islâmico, rebeldes independentes, Cruz Vermelha (ou Meia Lua Vermelha), civis e militares, tanto faz.

Bem, nem isso é relevante.

Relevante é o saber de onde provém os recursos financeiros para o Estado Islâmico continuar guerreando.

De onde virão estes recursos?

É um mistério, mistério para nós todos, simples cidadãos do mundo, mas não é mistério nenhum para todos os chefes de estado que sabem COM CERTEZA ABSOLUTA como é financiada esta guerra…

Portanto, não podem pedir, como o Papa Francisco fez e faz, pedir abrigo aos refugiados sírios.

Os Chefes de Estados (todos) sabem como e quem financia esta guerra.

Para terminar duas ou três colocações interessantes.

  • Após a inoperância da ONU em estancar os ataques Sérvios a Bósnia, a OTAN, com atraso é verdade, resolver intervir. Em 15 dias, a OTAN acabou com o exército Sérbio e terminou a trágica novela da inoperância da ONU.
  • Será que o Estado Islâmico é, militarmente mais forte que a Sérbia? Acho que não.
  • Se todos os países do mundo são contra o Estado Islâmico, por qual carga d’água ainda existe?
  • Será por ser um ótimo campo de treino para uso de novos armamentos, por parte de algumas potências?
  • Alguém percebeu o afinco da França em utilizar os seus novos aviões contra Gaddafi na Líbia? Era para ter um certificado de proficiência destes aviões e vende-las.

Resumo: o Papa Francisco, sim, os demais Chefes de Estado não. Não, não podem querer que os povos abram as suas fronteiras, para refugiados que nada mais se tornaram que massa de manobra de jogos sujos e sanguinários.

E a imprensa…? A imprensa, esteio da democracia… e da paz entre os povos, porque se cala…? Porquê…?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *